Sábado, 16 de Junho de 2007

I Festival Escutista de Curtas Metragens



Mais informação aqui.
tags:
publicado por agr546 às 22:21
link | comentar | favorito
Quinta-feira, 14 de Junho de 2007

Acampamento de Aniversário

"Reviver Brownsea"

No passado fim de semana, 9 e 10 de Junho, o nosso agrupamento esteve acampado. Comemoramos 29 anos de existência e festejamos a data num acampamento com todo o agrupamento onde se celebraram também as promessas dos novos elementos.

O acampamento realizado no nosso campo de actividades começou bem cedo, no sábado de manhã já estávamos de mochila às costas junto da sede, para recebermos ordem de partida. Para darmos início à actividade, os dirigentes tinham preparado um Jogo pela Vila de Pevidém. Foi feita uma apresentação do tema do acampamento, onde a ideia era celebrar os 100 anos de Escutismo a nível mundial, e reviver o primeiro acampamento na Ilha de Brownsea em 1907.



Pusemos então pés ao caminho, e fomos divididos em 4 patrulhas, Touro, Corvo, Maçarico e Lobo, como fez Baden Powell no primeiro acampamento. O jogo consistia em conhecer como seria a Vila de Pevidém há 100 atrás. Cada Patrulha tinha um trilho diferente, onde procurava recolher o máximo de informação sobre o seu trilho. Pão, Indústria, Brasões e Igrelas, eram estes os trilhos de cada uma das patrulhas.

Durante o jogo, onde recolhíamos o máximo de informação para podermos à noite apresentar no Fogo de Conselho, haviam outras provas que tínhamos que ultrapassar em vários postos por onde íamos passando. Essas provas, eram todas provas idênticas àquelas que BP fez há 100 anos no primeiro acampamento em Brownsea. Haviam jogos de socorrismo, reconhecimento de pegadas, jogos de observação, entre outros.



Durante esse Jogo de Vila, foi ainda proposto que preparássemos uma apresentação, em forma teatral, para o fogo de Conselho, sobre uma Individualidade de Pevidém. Haviam 4 diferentes, uma para cada trilho: Francisco Inácio, Albano Coelho Lima, Pde José Gonçalves e D. Guilherme Augusto.

O jogo acabou com a chegada à "Ilha de Brownsea" que era o nosso campo de actividades, onde chegamos num barco, simulando a travessia do mar, montamos o campo e preparamos-nos para a Eucaristia, que teve lugar na Igreja de S.Miguel do Paraíso, onde se realizaram as promessas dos novos elementos.



À noite houve ainda tempo para o Fogo de Conselho, onde foram apresentadas os trabalhos feitos durante o dia sobre os vários temas. A animação e a alegria tradicionais deste momento de encontro ao final do dia estiveram sempre presentes.

Mas para alguns a noite ainda tinha surpresas. Foi o caso de Exploradores e Pioneiros que tiveram ainda actividades nocturnas. Os Exploradores fizeram um jogo de reconhecimento, onde era necessário recorrerem à entreajuda e espírito de grupo para o superarem, por outro lado os Pioneiros tiverem tarefa mais árdua, um raide nocturno que os levou até ao Sameiro em Braga, todo ele orientado por carta topográfica.

No Domingo, e como a noite foi bastante chuvosa e o tempo teimava em não melhorar, fizemos as actividades que estavam preparadas para a manhã na nossa sede, até à hora de almoça, altura em que demos por terminada esta aventura.
publicado por agr546 às 18:07
link | comentar | favorito
Segunda-feira, 4 de Junho de 2007

Pioneiros rumo ao Acanac



Os Pioneiros de Pevidém realizaram um acampamento nos dias 19 a 20 de Maio. Esse acampamento teve lugar no nosso campo, no Paraíso. Esta actividade teve como objectivos, além do desenvolvimento do espírito de grupo e do aperfeiçoamento das nossas técnicas, a realização de tendas suspensas com o objectivo de preparar o Acanac.

 

O dia estava fantástico e por isso o nosso entusiasmo, alegria e ansiedade eram notórios. Depois de uma pequena oração, pusemos as mochilas às costas e dirigimo-nos para o campo. Iniciamos entretanto a actividade, prolongando-se pelo resto do dia! Já a chegar o final do dia, as tendas encontravam-se inacabadas… Todos nós colocamos a hipótese de que nunca mais iríamos acabar e por isso não atingiríamos o objectivo que os chefes nos tinham proposto. Mas como o espírito de grupo manteve-se e “a esperança é a última a morrer”, demos o nosso melhor. A verdade é que, em duas horas, as tendas estavam prontas para nos acolher. Estavam simplesmente magníficas! Fomos jantar, seguido de um momento de reflexão e troca de opiniões em relação ao dia e claro, um pouco de convívio entre todos.

 

Já no Domingo, o dia não era dos melhores. Estava escuro e chuvoso mas nem assim estragou a felicidade de acordarmos e vermos que não caímos durante a noite, ou seja, as tendas mantinham-se firmes, e hirtas! Depois da arrumação do campo, dirigimo-nos para o centro de Pevidém, para podermos participar na Eucaristia.

 

Chegou ao fim o nosso acampamento, sem deixar de proferir que foi bastante construtivo e produtivo uma vez que aplicamos muitos dos nossos conhecimentos escutistas, desde a construção, passando pelo modo de como e quando deveremos recorrer às árvores, acabando por aplicar o pioneirismo. Foi, acima de tudo, um acampamento indispensável para o desenvolvimento das nossas capacidades escutistas. Podemos afirmar que foi um “estágio” para o acampamento que nos espera, o Acanac…

publicado por agr546 às 20:43
link | comentar | favorito

.Ligações

.Últimos posts

. Logotipo 30 anos

. Acanac

. I Festival Escutista de C...

. Acampamento de Aniversári...

. Pioneiros rumo ao Acanac

. Uma foto e uma frase # 4

. Parque Biológico de Gaia

. Tasquinha dos Escuteiros

. Colabore!

. Recordar é viver # 2

.Arquivos

. Dezembro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

.Pesquisar neste blog

 
blogs SAPO

.subscrever feeds